O calçadão de Imperatriz receberá uma estrutura coberta e passará a ser o primeiro centro comercial do Maranhão a ter esse suporte. O investimento é de aproximadamente R$ 3,4 milhões, valor que será aplicado também para as melhorias no paisagismo, reparos na iluminação, instalação de um sistema de combate a incêndio e a adequação do espaço a portadores de deficiência. O centro de compras é um dos maiores da região e atende também os estados do Tocantins e Pará.

De acordo com o presidente da Associação Comercial e Industrial de Imperatriz (Acii), Guilherme Maia, a ideia é de que no futuro o centro de compras passe a atender durante o turno da noite. “Ganha toda a Região Tocantina. Leva mais dignidade para clientes, trabalhadores, lojistas e movimenta o comércio”, ressalta.

É a primeira vez que o calçadão recebe uma obra desse porte desde que foi construído, em 1979. A reforma trará maior conforto para os clientes, havendo a possibilidade da geração de emprego, no futuro, por conta do horário estendido de funcionamento.  O secretário de Estado da Infraestrutura (Sinfra), Clayton Noleto, ressalta a importância da reestruturação para a região. “Além do emprego gerado durante a execução dos trabalhos, há o aumento do movimento que vai ser gerado após a entrega da obra, já que teremos um dos maiores e mais estruturados centros de comércio popular do Maranhão”, enfatiza Clayton.

A reforma do calçadão faz parte de um pacote de obras encaminhadas pela Sinfra, que contemplará, ainda, a climatização do Centro de Convenções, que sedia a Feira do Comércio e Indústria (Fecoimp), Salão do Livro (Salimp) e a Feira da Beleza, além da requalificação da Avenida Bernardo Sayão, onde, segundo a secretaria de infraestrutura, será instalada uma pista de caminhada, uma ciclovia e a sinalização, uma vez que a medida busca tornar a avenida uma via de mão única, para que haja uma melhor fluidez no trânsito. O investimento dessas obras, que começaram no início de fevereiro é de R$ 11 milhões.

As informações são do portal do governo do Estado do Maranhão.