Maranhão se destaca como o estado menos transparente com dados de violência contra a mulher na região nordeste


Foto: iStock
Texto: Andressa Rocha
Fonte: Agência Alma Preta

 

Dentre todos os estados da região Nordeste o Maranhão se destaca como o menos transparente em relação a indicadores de violência contra as mulheres. O levantamento publicado pela agência de notícias Alma Preta  mostra como os estados nordestinos têm problemas de transparência. 

 

O levantamento foi organizado por Eduardo Machado, da Cipó Comunicação na Bahia; por Dayane Borges, do Blog Escrivaninha, no Ceará; e por Rose Serafim, da Agência Eco Nordeste, também no Ceará, mostra que os dados das secretarias de Segurança Pública sobre a violência contra as mulheres estão desatualizados, incompletos e limitados, a lista de estados com problemas de informações é composta pelos estados de Sergipe, Rio Grande do Norte e Paraíba. 

 

O estado vizinho o Piauí possui a peculiaridade de ser o único do nordeste a possuir um núcleo investigativo para apurar crimes contra meninas, mulheres cis, mulheres travestis e transexuais.

 

Por não disponibilizar as estatísticas, o Maranhão se torna o único estado do Nordeste sem indicador de violência contra a mulher. 

Leia Também