Jornal On-line do curso de Jornalismo da UFMA de Imperatriz

Conta de luz fica mais cara no mês de junho

Haverá a partir deste mês de junho o acréscimo de custo de R$ 6,243 pelo consumo de cada 100 kw/hora nas faturas de energia elétrica. Aqui no Maranhão, a Equatorial, distribuidora de energia responsável por levar eletricidade para os lares das famílias, já reforçou a informação, que está acessível tanto no site, redes sociais e na própria fatura de energia dos clientes.

Isso acontece por causa da crise hídrica, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) vai reajustar o preço da tarifa da bandeira vermelha, que neste mês de junho está no patamar 2, que está em vigor em todo o país e é a mais cara.

Com a baixa no nível de chuvas no país as termoelétricas terão que ser ativadas, o que ocasiona um custo maior para gerar a mesma quantidade de energia comparada as hidroelétricas, por exemplo. Pensando nisso, a Equatorial Maranhão reforça que é possível minimizar os impactos do aumento na conta de energia apenas com práticas sustentáveis simples do dia-a-dia, que vai desde usar mais a luz do sol, no lugar das lâmpadas, ao uso consciente de eletrodomésticos. Além disso, é recomendado sempre verificar o Selo Procel de eficiência energética do aparelho, prefira o Selo A, que representa mais economia.

Fonte: Equatorial Energia

You might also like