Texto Juliana Eugênio

Fotos: 1) Juliana Eugênio; 2) Reprodução Imperatriz Fotos

A Prefeitura de Imperatriz não apoiará o Salão do Livro de Imperatriz (Salimp) este ano. A feira literária acontecerá 26 de novembro a 4 de dezembro e pela primeira vez em sete anos ficará sem o financiamento municipal. De acordo com  a Secretaria de Comunicação da Prefeitura, motivo é o corte de gastos, visto que o Executivo municipal precisa pagar os direitos trabalhistas de todos os servidores públicos até dezembro, pois haverá troca da gestão municipal no fim de 2016.

Segundo a secretaria de comunicação do órgão, o patrocínio foi retirado devido a cortes de gastos na gestão municipal

Segundo a secretaria de comunicação do órgão, o patrocínio foi retirado devido a cortes de gastos na gestão municipal

O Salão do Livro de Imperatriz é fruto de uma parceria entre a Academia Imperatrizense de Letras (AIL) e a Associação Comercial e Industrial de Imperatriz (ACII), e já se consolidou como  o maior evento literário do sul do estado. Todos os anos a feira atrai expositores de todo o país, além de centenas de visitantes.

Por conta da crise econômica, além da Prefeitura,  a feira perdeu outros parceiros importantes, entre eles, a Eletrobrás. No entanto, de acordo com o Presidente da Academia Imperatrizense de Letras, Carlos Porto, isso não será empecilho para a realização do evento:

“Nós estamos procurando apoios extras, porque quando você perde apoio de um lado você tem que procurar alternativas, então, além da Lei de incentivo do Governo do Estado, alguns empresários de Imperatriz estão se propondo a nos ajudar, inclusive de alguns já obtivemos resposta. Então, esperamos ter fundos suficientes para cobrir o valor que era repassado pela prefeitura sem maiores prejuízos à feira”, afirma Porto.

Segundo a ACII o Salimp movimentou ano passado mais de RS 300 mil (apenas com a compra e venda de livros) e mais de 150 mil pessoas de Imperatriz e de cidades vizinhas visitaram a feira. A Expectativa dos organizadores é que este ano, em sua 14º edição, com atrações inéditas e palestrantes de renome nacional, dobrem o número de visitantes.

Academia, que organiza o evento, diz que falta de verba não vai ser entrave para a feira

Academia, que organiza o evento, diz que falta de verba não vai ser entrave para a feira

O Salão do livro de Imperatriz terá entrada franca.